Enjoying Life | Chronicles Of A Lazy Fashion Addict

July 10, 2017






Welcome to the first Chronicles Of A Lazy Fashion Addict, I have to start by saying that since I entered my summer break from school I've been so much happier than I was probably that's connected to the fact that I don't feel pressured anymore and I have more spare time to do nothing, but don't be fooled even when I had a lot to do I still found plenty of time to do nothing, the difference was that doing absolutely nothing just reminded of the million things I had to do afterwords. 

But letting that aside on the other day I was just sitting in my room and I remembered that I had books to read so I opened one of them, Fahrenheit 451, that at the time I hadn't read yet, but before actually going trough the pages of the book I remembered a conversation that I had with a friend of mine in which we were arguing that perhaps we weren't enjoying life because we aren't constantly going out like the cool kids, but the thing is the meaning of enjoying life can't be the same for every single person.

This reflexion led me to another question, can you truly live every day like it was the last one? I don't think so. I mean don't get me wrong I don't want my last day on earth to be regretful but it's impossible to live every day like it was your last day, if I follow that logic I would be eating candy and walk around the city doing all type of things. I'd probably go on roller-coasters and do skydiving among many other things but that's unrealistic.

I wouldn't be able to keep that up, I find it impossible. Idealistically speaking it works but it isn't practical, I guess that what I'm trying to say is that on paper it looks good but its execution wouldn't work. And there's nothing wrong with that, I'll just stick to what I do that is trying. If I can't do it at least I will try!


Let's Talk About Fashion 

Since the layering trend showed up everywhere I've been obsessed with it and I don't intend on dropping it for a while, you can see that through my outfit in which I combine a basic t-shirt with a grey top that was given to me on my birthday by two friends of mine alongside a short  ( to be honest I don't really know if the top is meant to be a pyjama, I would explain why there are big shreds of evidence that the top is supposed to be a pyjama but I'm really lazy and I don't want to 😂😂😂 ).

But moving on, I paired the t-shirt and the top with my boyfriend or girlfriend jeans ( I don't know the difference between boyfriend and girlfriend jeans ) from Primark that I initially hated but through time I manage to accept them, mainly because I waited too long to return the pants.

Anyways what do you guys think? Can we really live every day to like it was our last day?


///


Bem vindos ao primeiro Chronicles Of A Lazy Fashion Addict (Crónicas De Uma Rapariga Preguiçosa Mas Que Adora Moda), eu tenho que começar por dizer que desde que começaram as minha férias de Verão da escola eu tenho estado tão feliz e isso provavelmente deve estar ligado com o facto de eu já não sentir pressão e ter imenso tempo para não fazer nada, mas não se enganem, mesmo quando eu tenho imensa coisa para fazer, eu sempre tento encontrar um tempinho para não fazer nada, a diferença é que não ter absolutamente nada para fazer, relembra-me de todas as coisas que eu tenho de fazer depois.

Mas deixando esse assunto de lado no outro dia eu estava apena sentada no meu quarto e lembrei-me que tenho livros para ler então abri um dos livros, Fahrenheit 451, que nessa altura ainda não tinha sequer começado a ler, mas entretanto lembrei-me de uma conversa que tive com um amigo meu em que estavamos a falar que se calhar nós não estávamos a aproveitar a vida porque nós não estavamos constantemente a sair como os miudos fixes, mas de qualquer forma  o significado de aproveitar a vida é diferente para cada pessoa.


Esta reflexão conduziu-me a outra questão, pode-se realmente viver todos os dias como se fosse o último? Eu não acho. Não me interpretem mal, eu não quero que o meu último dia na Terra seja cheio de arrependimentos, mas é impossível viver todos os dias como se fosse o último, se eu seguisse essa lógica eu estaria a comer doces e a andar pela cidade a fazer todo o tipo de coisas eu provavelmente andaria em montanhas russas e pára-quedas e um monte de outras coisas mas isso seria irrealista.

Eu não seria capaz de manter isso, cheguei à  conclusão que isso    Ã©    impossível.     Idealisticamente falando funciona, mas não é prático, eu acho  que  e o que  estou a tentar dizer é que no papel poderá até aparentar  ser bom, mas no diz respeito à  execução  não funciona.  E não há nada  errado com isso. Eu  vou continuar a fazer o que eu faço melhor, que é tentar. Se eu não conseguir fazê-lo, pelo menos eu vou tentar!



Vamos falar sobre moda


Desde que começou a tendência das roupas em camadas (layering trend) eu tenho estado obcecada por ela e eu não pretendo deixá-la durante os próximos tempos, como podem ver, através do meu look, eu combinei uma t-shirt básica com um top cizento que me foi dado no meu aniversário por duas amigas minhas (para ser honesta eu não sei se o top é suposto ser um pijama, eu até explicava as razões para haver uma grande possibilidade para ser um pijama, mas eu sou demasiado preguiçosa e não quero fazê-lo😂😂😂)

Mas mudando de assunto, eu usei a t-shirt e o top com as minhas boyfriend ou girlfriend   jeans     (eu não sei a diferença entre boyfriend e girlfriend jeans) da Primark, que eu inicilmente   odiava mas com o tempo aceitai-as também porque já tinha esperado demasiado tempo para podê-las devolver.

Mas de qualquer forma o que acham? Poderíamos realmente viver todos os dias como se fossem o último?



Instagram - luxurysmo_land


Instagram

Follow

Latest Instagrams

© Luxurysmo Land | A Fashion Blog by Scarllet Marie . Design by Fearne.